domingo, 11 de maio de 2008

FESTA DE PINHAL NOVO (3)



O primeiro objectivo desta sessão foi fazer a cobertura completa da tela com a tinta, duma maneira espontânea, mas controlada. O casario do lado esquerdo foi tratado para salientar os seus volumes, com as suas cores dominantes. As casas dispersas já ficaram integradas na paisagem, como pequenos marcos que conduzem o olhar.
Dediquei especial atenção ao maciço, logo abaixo da estrutura que suporta o castelo, utilizando o mesmo pincel e cores para dar pequenos retoques, com a finalidade de manter a harmonia entre os planos. Para as sombras juntei um pouco de azul ultramarino, enquanto para as partes luminosas misturei o Azo Yellow Deep, que já tinha utilizado para iluminar as casas.
Agora que a estrutura está pronta e unificada com as suas cores de base, parece-me que a tela está pronta para receber as suas cores finais.
Como amanhã tenho outros assuntos a tratar, vai ficar com mais um dia de secagem. Até lá, serão bem-vindos os vossos comentários.

19 comentários:

Anne M. Moor disse...

Com o casario que começa no centro e leva o olho para o aglomerado de casas à esquerda, o castela se agiganta como quando apertamos o tubo de pasta de dentes! E o azul no canto direito inferior o que será? Curiosidade aguçada...
Beijos

Aníbal de Sousa disse...

A paisagem da Serra é deslumbrante por onde quer que se olhe, qualquer que seja a hora ou a época do ano em que se esteja. E tu ganhaste um grande domínio dos materiais e das perspectivas que te coloca no galarim dos grandes artistas da região.

Fermina Daza disse...

Querido António, como ves no me he olvidado de la cita. Es un auténtico privilegio comtemplar como vas creando la obra a la vez que explicas los pasos que vas dando. Esperaremos con paciencia a que se seque bien la pintura para ver tus próximas pinceladas maestras.

Un abrazo

Gi disse...

quase uma lição de pintura

uma obra seguida passo a passo

nãoé para qualquer um, António,

Sinto-me previlegiada por assistir.


Tens um prémio no meu canto, talvez o título não seja o melhor mas foi a forma que arranjei de chegar a muitos e mostrar o meu afecto ao distribuír estes mimos.

A árvore que lá deixo é só um extra. procura que encontras e não te rias com o nome por favor :)

Um beijinho

jorge disse...

como me gusta aprender de pintura en tu casa.
Y que divertido es ver como "crece" un cuadro.
He agrandado la ultima version y mehan arrebatado los azules, y no solo los del cielo.

Espero con curiosidad las siguientes pinceladas.

A.Tapadinhas disse...

Anne: Cheguei a casa e logo fiquei com um sorriso, com a imagem que arranjaste para definir o ninho de águias em que mora o castelo. O canto inferior direito estava destinado a ser o chão com as sombras coloridas provocadas pelas árvores... Está a ganhar vida própria com a sua beleza...
Beijo.
António

Isabel disse...

Sabía yo que iba a quedar así de hermoso... tu pintura es tan expresiva, tan llena de luz. Me encanta. Besos.
http://senderosintrincados.blogspot.com

A.Tapadinhas disse...

Aníbal: Obrigado, mas os louros (:))têm de ser atribuídos à Serra do Louro... mais aos caminheiros que a exploram durante o ano...
Abraço.

A.Tapadinhas disse...

Fermina Daza: Gosto de quem cumpre o que promete e neste caso, o gosto é duplo: tem por acréscimo, as tuas sempre carinhosas palavras.
Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Gi: Francamente, não é o meu objectivo dar uma lição de pintura. Pretendo apenas explicar, para quem não sabe pintar, sem demasiados termos técnicos, como se pode fazer uma pintura, utilizando o acrílico. Agradeço a tua gentileza e já lá vou receber o teu mimo. Desculpa, mas já estou a rir-me...
Beijo risonho.
António

A.Tapadinhas disse...

Jorge: Como disse a Anne, os azuis foram lá postos para servirem de sombras mas, pelos vistos, não se conformaram com papel tão secundário, ganharam vida e naturalmente ficarão como contraponto à parte superior esquerda do maciço... Tenho pena do que estou a perder no teu blogue, mas quando acabar o quadro vou recuperar o temp(l)o perdido...
Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Isabel: Obrigado pela tua confiança e pelo teu estímulo: na pintura também há senderos intricados, mas parece que não vai ser este o caso.
Beijo.
António

Daniel García disse...

Gracias por visitar mi blog. Tus pinturas son preciosas, me recuerdan a grandes pintores como Munch, Shiele y Klimt.Seguiré visitando tu blog.
Un saludo

Suzana disse...

Tua descrição é sim uma aula de beleza e como sempre a maestria nos tons nos encanta.Estou curiosa para a bra final.A propósito, ousei homenageá-lo em meu blog poética sem métrica.

bjs

Suzana disse...

Sorry,

obra final

A.Tapadinhas disse...

Daniel Garcia: Muito obrigado! Colocas-me na companhia de grandes amigos. Vou passar a visitar-te com regularidade, para trocarmos ideias.
Um abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Suzana: E ousaste bem! Estou curioso, e vou já visitar-te porque despertaste a minha curiosidade.
Beijo.
António

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,