segunda-feira, 28 de junho de 2010

DEPOIS DE VAN GOGH


Cais de Alhos Vedros Acrílico sobre Tela 30x40cm
(clic sobre a imagem)

Nos dias que passei em casa do Mestre, regressei a casa com algumas certezas e muitas dúvidas.
Na análise dos seus desenhos, fiquei com a certeza que, afinal, ele preparava os seus quadros ao pormenor, com a indicação da fonte de luz e os seus traços dados com a direcção e intensidade que permitiam a aparente espontaneidade da sua pincelada. Num dos retratos, inacabado, é visível a quadrícula que utilizou para respeitar as proporções do modelo.
Sobre as dúvidas falaremos depois.
Neste meu desenho, não indico a direcção da pincelada, mas está garantida a sua espontaneidade, pois tenciono cobrir toda a tela com este vibrante Cadmium Yellow Médium Hue…
Quero que este amarelo fique a cintilar por debaixo das cores que o vão cobrir!
Vou continuar o meu trabalho.
Até já!

8 comentários:

Luís Coelho disse...

Pois ...e nós continuamos à espera dessa pintura maravilhosa e cheia de vida.
Vamos ao trabalho. Por aqui o tempo não está bom para a praia.......

Anne M. Moor disse...

António

Uauiiiiiiii... está pintando uma tela das boas, que sabes tão bem fazer. Trabalha em paz.

Beijos pacientes :-)
Anne

Ava disse...

António, não tenha dúvidas...
Sabe por quê? Porque entre voce e o Mestre existe algo em comum, que torna qualquer trabalho maravilhoso e por conseguinte, uma obra de arte: A paixão e a sensibilidade!


B.B. transbordante de carinho...

jorge disse...

Es importante ir acumulando certezas.

Imprescindible mantener la cabeza con dudas constantes que nos obliguen a desentrañarlas.

Tengo la certeza que el cuadro ira creciendo en belleza.

Dusas siempre un monton.

A.Tapadinhas disse...

Luís Coelho: Espero que o tempo de praia já tenha aparecido.

Continua o trabalho (aqui para nós é mais prazer)...

Abraço,
António

A.Tapadinhas disse...

Anne: Não vou ter hipóteses, devido à distância, de pintar janelas...

Mas, a tua imaginação não tem limites...

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Ava: São assim as amigas: dão tudo e não cobram nada!

Espero não desiludir a tua confiança.

BB
António

A.Tapadinhas disse...

Jorge: Já foi dito de diversas maneiras que, quanto mais sabemos, mais dúvidas temos...

Por isso, ter algumas regras e princípios, é muito importante...

Na pintura e, sobretudo, na vida!

Abraço,
António