segunda-feira, 11 de maio de 2009

PALAFITAS NO SADO


Carrasqueira - Cais Óleo sobre Tela 90x100cm

Quando falei sobre a saga dos avieiros, mencionei que os “ciganos do rio”, como lhes chamou Alves Redol, procuraram o seu sustento no Vale do Tejo e no estuário do Sado.
Há uma aldeia ribeirinha em plena Reserva Natural do Estuário do Sado, que conserva algumas construções de madeira, cobertas de caniço – os palheiros.
Nesta aldeia, continua a ser utilizado um cais construído em estacas de madeira (palafitas), que se prolonga por centenas de metros sobre os esteiros lodosos do rio.
Foi um processo iniciado por dois pescadores que criaram um acesso para chegarem aos seus barcos, sem se enterrarem no lodo, aos quais se foram juntando outros, até se chegar ao emaranhado de estacas que tornaram este local um dos mais visitados do concelho.
Os habitantes desta aldeia continuam a ganhar o seu sustento, conforme as épocas do ano, com a agricultura e a pesca.
Não sei se são agricultores-pescadores ou pescadores-agricultores. O que sei é que o peixe é uma delícia e, não resisto, tenho um pequeno segredo para lhes contar…
Gostam de batata-doce? Eu também!
Aquele lugar é o seu paraíso. Tem um nome: Carrasqueira.

55 comentários:

jorge disse...

¡¡Aqui estan!!

Los maravillosos azules de Antonio.

Y casi siempre aparece un toque rojo para dar el contraste.

me gusya tu cuadro...

... y me apunto que es el paraiso (si alguna vez paso por la zona ya se que comere)

Udi disse...

Peixe com batata doce? ...hmmm, deve ser bom. Aqui no Brasil comemos peixe com banana (às vezes até com banana verde), com farinha de mandioca... conhece pirão?

A pintura é maravilhosa! Além dos azuis, já mencionados acima pelo Jorge, aquele horizonte tão nítido e amplo dão uma vontade de estar lá!

beijos

€_r_i_K disse...

Si que nos entregas lugares, para tener en cuenta, a través de la belleza de las imagenes, y con las pinceladas de palabras que les acompañan....


Abrazos enormes....

P.d. Pensando como Jorge, si caemos por allí......

Paula disse...

Olá!
Obrigada pela visita em meu blog! Gostei muito do seu, reflete talvez um estilo de escrita diferenciado. Voltarei sempre!

Ah, eu adoro o sabor do peixe, mas não comi muitas vezes na vida batata-doce. Irei experimentar assim que puder!! Obrigada pela dica!

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Vir aqui é sempre um grande prazer.E como ir a uma galeria e ver telas raras, lindas,de um verdadeiro poetas das cores.
Desejo a você uma ótima semana.
Apareça, tenho novidades.
Beijossssssssssss

FatiGra disse...

Na regiao norte do Brasil as casas dos ribeirinhos sao construídas sobre estacas de madeira (sim, palafitas)!!!!!
E também caldeiradas de peixe maravilhosas!
Concordo com Udi, tao linda a sua pintura que dá vontade de conhecer o lugar!

Anne M. Moor disse...

Que tela linda... Vontade de sair a passear naquele barco!

As tuas cores vibrantes dão vida às palafitas... Esses azuis!!

Beijos coloridos

A.Tapadinhas disse...

Jorge: Quando queremos dar nas vistas é necessário procurar os contrastes...

Tenho notado que as minhas cores têm personalidade própria... Vão sempre colocar-se na tela de maneira a não serem ignoradas...

São o alter-ego do seu criador...

Para a batata-doce, a sua festa é em Novembro... No peixe é todo o ano...

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Temos por cá diversos restaurantes com comida brasileira...

Para além do pirão (parecido com o dos angolanos), nos rodízios, para além das diversas carnes, têm banana assada e, para mim, a novidade, ananás assado que é uma delícia...

Vou acabar! Já estou com água na boca...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

€riK: É o meu objectivo: fazer com que os meus amigos quando vierem a Portugal, tenham o percurso gastronómico que eu vou traçando...

A gastronomia também é cultura...

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Paula: Foi um prazer visitá-la, assim como receber a sua visita.

Na zona sul de Portugal, a batata-doce faz parte da confecção de diversos pratos.

No centro e norte é mais utilizada em ocasiões festivas, p.e. é obrigatórai nas festas do S. Martinho...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Anne: Este local está na Península de Tróia, perto de Setúbal...

Imagina só: do lado direito o estuário do rio Sado e do lado esquerdo o Oceano, com areia branca e fina, durante 65 km...

No quadro, distingue-se ao fundo a cidade de Setúbal e o recorte da serra da Arrábida... uma serra linda com a floresta mediterrânica primeva...

Não me sinto muito à vontade para continuar, porque sei, já vi diversas amostras do paraíso no Brasil!

...Mas nós, à nossa medida, também temos algumas...

Beijo.
António

Anne M. Moor disse...

Portugal pode ser menor,mas as belezas naturais sei que são espetaculares!!!!

Beijos

Avassaladora disse...

António, esse quadro é de uma explosão de cores sem fim...
Assim como a maioria de seus quadros.
Fico tentando imaginar se isso é sua personalidade, esse traço forte que sinto em suas pinturas...
Esse quadro é de uma beleza ofuscante!!!


Essa paisagem lembra um pouco o nosso Recife,Capital de Pernambuco.
Por lá tb temos algumas paisagens assim... Apesar de a região onde temos muitas palafitas, ser de extrema miséria. Coisa vergonhosa para o nosso Brasil... Mas que não tem o devido respaldo político ou ajuda do setor público.



Beijos avassaladores!

Sibyla disse...

Sí,sí, me gusta la batata dulce, que aquí se llama Boniato (eso creo). Así que tendré que viajar a ese maravilloso lugar!

Preciosos siempre tus azules!

Un abrazo amigo Antonio:)

Francisco disse...

A tela é impressionante! Como já disse anteriormente, ao vê-la, sentimos o clima e o cheiro do lugar.
Que vontade de conhecer Carrasqueira! E comer peixe com batata-doce.
Coisas do "nosso" Portugal.
Um abraço

Allek disse...

que tal.. pasaba a saludarte
te dejo un fuerte y caluroso abrazo!
feliz día!!

A.Tapadinhas disse...

Anne: Não acredites em boatos! Faz como São Tomé: Ver para crer!
hehehe!

Beijo invisível.
António

A.Tapadinhas disse...

Avassaladora: Admitindo liminarmente que tens razão no que dizes, então as minhas pinturas serão mentirosas: talvez seja um homem de convicções fortes, mas o meu coração, em vez de endurecer com a idade, cada vez está mais sensível...

Temos de uma vez por todas acabar com essas situações! A sua denúncia já é um primeiro passo: todas as grandes caminhadas começam assim...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Sibyla: Só o nome tem um significado mítico: península de Tróia!

E há lá uma estação arqueológica com vestígios das construções romanas.

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Francisco: E não é que acredito no que me dizes?
Eu, às vezes, fico com água na boca, só de pensar em coisas que me agradam...

Abraço, irmão.
António

A.Tapadinhas disse...

Allek: Muito obrigado pela visita!

Volta sempre!

Abraço.
António

Flavio Ferrari disse...

De volta aos azuis e vermelhos ... sigo gostando do contraste alegre. Tem um rio masoquista por ai também ?

A.Tapadinhas disse...

Flavio: Os rios são o reflexo das pessoas que os utilizam: se há homens masoquistas, por que não rios?
:)
Abraço.
António

rm disse...

No Brasil palafitas estão mais associadas a favelas. Sim, sobre o mangue, rios e até o mar...

Fecho com os comentários que destacaram a beleza dos azuis. Sobre azuis e marinhas, você precisa conhecer a obra do pintor mineiro Petrônio Bax.

Avassaladora disse...

António, mas que belo contraste: Um homem de coração mole... E de uma personalidade forte!
Imagino que luta há entre a razão e a emoção... isso é muito bom!

Beijos avssaladores!

A.Tapadinhas disse...

rm: Havia um certo preconceito contra as pessoas que ocupavam o espaço e pescavam nas águas, que os naturais das zonas ribeirinhas achavam que era seu...

Com o progresso, esse mal-estar foi-se diluindo, e hoje todos procuram tirar partido da zona privilegiada onde habitam...

Fica na agenda para o conhecer...

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Avassaladora: Agora que me fizeste pensar no assunto, acho que tem sido uma luta (termo talvez demasiado forte) que se tem desenrolado ao longo de toda a minha vida...

...E ainda não tem vencedor...

Acho eu!
rsrsrs

Beijo.
António

Eliana / Lu Maria disse...

Encantada com teu blog!! Cores vivas, que falam...

Axé!
LU MARIA

Nohelia disse...

Es fascinante encontrar gente con gran talento dentro del mundo bloguil y eso que hablamos idiomas diferentes....perdoname pero yo el brasileño no lo entiendo muy bien....pero el sentido de la vista es universal y con solo ver lo que tus pinturas transmiten es suficiente para mantener una conversación.

Me quedo, sin más.

Un beso desde Valencia, España

Avassaladora disse...

António, e quem disse que é fácil ter vencido ou vencedor na luta entre a razão e a emoção...
Estarão sempre a se deglariarem, e nós no meio da ensandecida luta...rsrsrs

Que bom te fazer pensar... Sinal que alguma coisa estou a te tocar...rs

Quanto a fila não se preocupe... Há os convidados especiais..... Sem filas...rsrsrs

Antonio, brincadeiras a parte, obrigada por seu comentário tão carinhoso.

As vezes até penso que brinco muito. Mas meu velho avô já dizia: " O que se leva dessa vida é o se come, o que se bebe e o que se brinca..."
Então que vivamos a vida!


Beijos avassaladores!



PS: Não se preocupe com o fuso horário... Isso é apenas uma conspiração do univero...rs

Avassaladora disse...

ops! É conspiração do universo!

A.Tapadinhas disse...

Eliana: Saber escutar é uma grande virtude...

Agradeço as gentis palavras.

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Nohelia: Há uma linguagem universal que todos entendemos: a do coração...

Talvez não seja assim tão difícil porque eu falo (escrevo) português... Afinal de contas somos vizinhos...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Avassaladora: Todas as guerras têm (tiveram) um fim... Até agora não houve nenhuma que acabasse connosco... E cada vez somos mais...

Talvez seja essa luta que nos mantém despertos para os perigos que a vida nos apresenta...

Quando tiver oportunidade, vou cobrar as suas promessas...

A mulher e o homem são os únicos animais que se riem...

... e quanto mais melhor!

Seu avô tinha e continua a ter, muita razão!

Rir é o melhor remédio!

Beijo.
António

Isabel disse...

Esas pinturas tuyas me evocan un mundo idealizado lleno de paz y serenidad que ya me gustarían para mí. Besos.
http://senderosintrincados.blogspot.com

Avassaladora disse...

Bom dia, Belo António!

Promessas são para serem cumpridas...rs

Então vou continuar a sorrir para vc...rrsrsrs

Beijos e lindo dia!!!

Avassaladores, é claro!

Toñi disse...

Esos azules en contraste con el amarillo me parecen fantásticos.

Me gustan mucho los temas marinos, los barcos en contraste con el azul del mar y el del cielo.

Y también me apunto a la causa gastronómica. Seguro que es un lugar precioso si ha merecido tu atención.

Un beso.

Xana disse...

Esse nome não me é estranho , acho que já passei por lá.

O quadro está magnifico, lindo!
Abraço

A.Tapadinhas disse...

Isabel: A Arte pode servir para denunciar problemas e ajudar a resolvê-los...

Também serve para vermos o mundo com outros olhos e salientar a beleza que às vezes deixamos escapar...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Avassaladora: Acabei de chegar a casa...

Fui ao cinema ver a estreia do filme baseado no livro de Dan Brown, Anjos e Demónios, realização de Ron Howard.

Que título mais apropriado para os seus comentários!

Beijo, demoníaco ou angélico - haverá diferença?
:)
António

A.Tapadinhas disse...

Toñi: Sem favor, a península de Tróia é uma verdadeira jóia de beleza natural...

...E também gastronómica...

Se o quadro também te agrada, melhor ainda!

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Xana: Se já atravessou o Sado para ir a Tróia, Comporta ou mais além, Porto Covo, Sines, passou na Carrasqueira...

Abraço.
António

Avassaladora disse...

António, penso que tem grande diferença...
Qual será que combina mais com avassaladores?rsrsrs

Li Código da Vinci, adorei. Devorei
o livros de uma vez só...rsrsrs
Já Anjos e Demônios achei meio que uma repetição do Código.Tentei, lí algumas páginas, abandonei. Talvez veja o filme...

Que bom saber que vc está curtindo uma cineminha... São prazeres que não podemos deixar passar...
Um filme no cinema, é bem diferente que qualquer DVD visto em casa.


Sobre sua pintura, no post da Udi, vi que era sua, mas cometi a indelicadeza de não comentar!

A proposito, As quatro Estações, de Vivaldi é minha paixão!
Adoro música clássica, mas sempre fui apaixonada pelas Quatro estações...
Quando fiz um tour de reconhecimento em seu blog, me deparei com as pinturas e a música....
Fiquei maravilhada... Minha pintura a preferida é a Primavera, pelo colorido...


Beijos avassaladores!

Avassaladora disse...

Ah, tem uma pintura no post Equinócio, Flores Compestres, que é deslumbrante

Até já salvei em meu pc. Posso usá-la para ilustrar um post meu?
Com os seus devidos créditos, é claro!


Beijos e mais beijos...
avassaladores!

A.Tapadinhas disse...

Avassaladora: Penso que são as duas caras da mesma moeda: em todos nós co-habitam o anjo e o demónio... Ying e Yang...
:-J
Em Portugal, só depois do grande êxito do Código é que foi publicado Anjos e Demónios...

Com respeito ao filme, dá a sensação do déjà vu... É um filme para fans do Dan Brown, ou Tom Hanks, ou Ron Howard, ou de quem não goste da hierarquia da Igreja...

A facilidade de vermos um filme a qualquer hora, retirou um pouco da sua magia, ao eliminar o ritual a ele ligado... Até do cuidado na escolha da roupa, para não ficar mal perante a/o acompanhante... Para não falar das pipocas...

Com Vivaldi fica muito bem acompanhada... em qualquer estação..

Por favor, não me roube as flores para desfilar a cavalo: as naturais devem ficar-lhe melhor...
:)

Beijo.
António

Avassaladora disse...

António, me delicio com seuas respostas...rs

No meu caso, acho que há mais tridentes que auras luminosas sobre minha cabeça...rsrsrs


Essa sensação que vc sentiu ao ver o filme foi amesmo que eu senti ao ler o livro. Mas vale pela gostosura de sair de casa... Da companhia, e das pipocas, é claro!

As Quatro Estações, de Vivaldi, nunca mais serão as mesmas depois de vc... Música é assim, quando a associamos a alguém, fica par sempre!


Ah, as flores! Meus cavalos! Passeios! Poesia!

Naturais ou pintadas por vc, serão sempre bem vindas...


Beijos avassaladores!

Mais Ying?
Ou Mais yang?


Oh, duvída cruel...rsrsrs


Para vc aí, já é quase noite...

Linda noite para vc!

Suzana disse...

Chego a pensar que sua intimidade com o azul vem dos anjos!
bjs

A.Tapadinhas disse...

Avassaladora: Se me dissesse o contrário é que me deixaria surpreendido... Fico eu com o halo dos santos... Recordo que alguns deles foram umas belas encomendas antes de o serem!

Antes de podermos ver filmes na nossa casa ou dos amigos, uma ida ao cinema era sempre um acontecimento: a escolha da roupa, a companhia, a viagem, o café no foyer, o encontro e a conversa com pessoas bonitas... Às vezes o filme era o menos o menos interessante! Quero dizer: valorizávamos os preliminares... Honni soit qui mal y pense...
:)
Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Suzana: Sempre gostei da cor azul! A minha roupa é quase toda azul. A que não é, tem de jogar com ela. Podemos dizer que é um amor correspondido!
:)
Beijo.
António

Avassaladora disse...

Mas até hoje, as preliminares ainda são essenciais...
Tanto para assistir a um filme, quanto para tantas outras coisas...rsrsrrs

E lhe devolvo...

Honni soit qui mal y pense...

rsrsrsrs


Beijos e lindo sábado!

Avassaladores, é claro!


PS: O Azul lhe cai muito bem!

Tanto nas tinta que carregas em teus quadros, quanto nas cores de suas camisas...Nas fotos que vi aqui, o azul está presene até nas roupas do lindo Rafael...

Avassaladora disse...

Vc sabe que moda da Condessa de Salisbury está de vota com força total, nas pecinhas mais simples...rsrsrsrsrs
Ainda ontem estava vendo uns conjuntihos...rsrsrs
Há um tempo atrás, era algo bem mais reservado, só ofercido em peças especiasis, pelo menos por aqui... rsrsrs


Avassaladores beijo!

A.Tapadinhas disse...

Avassaladora: Guardei!

Só andou a ver e não comprou? Ficou indecisa sobre a cor ou é a crise?

Nunca fico indeciso sobre o azul que gosto, como Ford, falando sobre a cor do automóvel: qualquer serve desde que seja preta...

Honni soit...

Boa semana!

Beijo.
António

Avassaladora disse...

A cor, meu amigo.. a cor... rsrsrs

São tantas!


Foi-se o tempo que predominava o preto ou o vermelho...rsrsrs

Na dúvida, um de cada cor... rsrs

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,