quarta-feira, 24 de junho de 2009

VOAR...


Voo Óleo sobre Tela 46x38cm

Numa das primeiras exposições que fiz, esta pintura foi “vendida” logo no primeiro dia, a um apreciador de pintura, muito afável, simpático e conversador.
Disse deste quadro, aquilo que eu pensava dele:
Obra de grande expressividade, textura agressiva e uma harmonia dinâmica transmitida pelas cores fortes e contrastantes, em que a ave, com o metafórico bater das suas asas, afasta o frio da floresta para entrar na clara e quente luz do sol…
Pois, pois!
Só que o senhor apreciador talvez tivesse problemas de fundos de maneio: reservou-a mas nunca a foi levantar.
Até hoje!
Por isso, agora tenho em casa uma caturra que me assobia canções, para eu não a deixar, e um papagaio que não se cansa de me olhar a convidar-me para voar com ele…

52 comentários:

Olavo disse...

Que beleza de pintura realmente..
Abraços

€_r_i_K disse...

Bonito colorido Alado....

Eres un crak.....Abrazos....

Isabel disse...

Tiene mucha vida, esos colores le dan pasión e intensidad. Muy hermoso, lástima que no se lo quedase, eso se perdió. Besos.
http://senderosintrincados.blogspot.com

jorge disse...

Me he dejado envolver por esos verdes.

Al papagayo dile que tu imaginacion te ha hecho volar mas alto de lo que sus alas jamas alcanzaran.

Tu comprador si que tenia facilidad de palabra, si (jejejeje).

Nanda Assis disse...

muito lindo uma arara me parece, nossa lindo mesmo.

bjosss...

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

È uma pintura tão bela, como o "comprador" não a quis? Todos gostariam de tê-la. Bom, falo por mim.
Parabéns, amigo António.
Um abraço,
Renata Cordeiro

Marina-Emer disse...

este cuadro es una preciosidad ...tiene un colorido precioso pero de veras es muy lindo ...me encanta
besos
Marina

Avassaladora disse...

António, querido!

A expressividade que vc consegue com os pincéis é algo de mágico!

Uma beleza esfuziante... ou esvoaçante...rs


Querido, tenho certeza que vc vai gostar da Layla... Ela escreve magnificamente bem...

Adoro o seu carinho...

Beijos avassaladores!

SHE disse...

Colores tan fuertes como tu olvido
:):):)

sè que no...sè que no.
aunque no asista estoy ,que no lo dudes.
besos coloridos y fuertes

Toñi disse...

Es una pintura muy interesante, Antonio, y nada comun, por la perspectiva, el colorido, tonos fuertes, calidos y frios en diagonal, y el movimiento.

Me parece preciosa e inolvidable. Realmente impactante.

Un beso.

Francisco disse...

É o destino!
Talvez a ave não queira sair de sua casa, para darlhe ainda mais inspiração com suas cores maravilhosas!
Um grande abraço!

Lusca disse...

Muito boa!
Se o sujeito não quis levar, eu bem que gostaria se pudesse! =)

Meg disse...

Olhe António parabéns!
É um prazer observar de longe esta sua obra.
É o "meu mar",com um colorido lindo, um expressionismo brilhante!
Continue António!
abraço
Meg

Anne M. Moor disse...

Levantei vôo ao ver esta tua tela junto com minha filha a artista!!!
Ela adora o teu trabalho. Este com suas cores vibrantes e o movimento do vôo em redemoinhos me levaram a viajar...

Belíssimo como sempre!

Beijos

A.Tapadinhas disse...

Olavo: Obrigado pelas palavras.

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

€riK: Obrigado amigo com asas nas palavras!

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Isabel: São as cores fortes e calorosas da paixão.

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Jorge: O verde é a cor complementar do encarnado, quer dizer, os verdes são mais atraentes quando o encarnado está perto...

De igual modo, quanto mais agarrados estamos ao chão, mais sonhamos em voar...

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Nanda: A beleza está dentro de cada um de nós.

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Renata: Cada um tem as suas prioridades...

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Marina-Emer: O mérito é do seu colorido... que está na natureza...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Avassaladora: Agora descobriu o meu segredo: eu tenho mesmo um pincel mágico!

O problema é que ele é muito temperamental: só funciona quando lhe apetece...

Tenho de ir conhecer Layla...

Beijo mágico.
António

A.Tapadinhas disse...

SHE: Que bom "ouvir" as tuas palavras!

Sinal que não estou esquecido!

Sabes que também não te esqueço...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Toñi: Muito completo e agradável o teu comentário à minha pintura...

Adoro quando criticam assim as minhas obras...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Francisco: Nada acontece por acaso!

Das coisas mais simples podem surgir consequências impensáveis à primeira vista...

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Lusca: Daí o ditado popular: dá Deus nozes a quem não tem dentes!

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Meg: Claro que irei continuar, enquanto gostar do meu trabalho...

...e receber palavras como as suas, que são um estímulo para não desistir.

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Anne: Só, ou acompanhada pela tua filha (um beijinho para ela!), espero que continues a utilizar a tua imaginação para fazer todas as viagens que não podem ser cumpridas pelos normais meios de transporte...
:)
Beijo voador.
António

Udi disse...

Maravilhosamente brasileiro!
Então, eue ela te assobie Ary Barroso:

"Esse coqueiro que dá coco
Onde eu amarro a minha rede
Nas noites claras de luar

Brasil, Brasil
Pra mim, pra mim

Ouve essas fontes murmurantes
Aonde eu mato a minha sede
E onde a lua vem brincar

Este Brasil lindo e trigueiro
É o meu Brasil, brasileiro
Terra de samba e pandeiro

Brasil, Brasil
Pra mim, pra mim"

beijos!

Pena disse...

Admirável Amigo:
Este Voo Óleo sobre Tela 46x38cm, FASCINA!
"...Obra de grande expressividade, textura agressiva e uma harmonia dinâmica transmitida pelas cores fortes e contrastantes, em que a ave, com o metafórico bater das suas asas, afasta o frio da floresta para entrar na clara e quente luz do sol…"

Este "notável" Senhor falou bem, mas agiu mal. Muito mal.
Até hoje..., impensável!!!
Podia ter falecido, entretanto...
"Coisas" de intenso valor artístico não se esquecem, ou então, sofria da Doença de Alzheimer...de certeza..., não lhe parece, genial amigo...?

Excelente, diria somente...
E, acrescentaria:
Nota das Belas Artes: O MÁXIMO!

Abraço de imenso respeito.
Sempre a estimá-lo e a ler a sua Arte autêntica com muita atenção e cuidadosamente...

pena

Anne M. Moor disse...

Que minha imaginação nunca me falhe!!!! E minhas asas me carreguem pra onde quero... :-)

Beijos rodopiante :-)

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Olá, amigo António:
Todos têm suas prioridades..., mas mesmo assim...bom, isso é com você.
Vim convidá-lo de novo para ir
ao GALERIA, publiquei sobre E O VENTO LEVOU... Além disso, há flores, poemas e amores. E quadros de Gustave Moreau (espero não ter dado nenhum furo dessa vez...).
Gostaria que vc fosse lá e me deixasse a sua opinião.
Um abraço,
Renata
PS: Aproveite e conheça o meu Blog Salomé:
http://blogrenatasalome.blogspot.com

Léo disse...

Um excelente trabalho de cores. Tão vivo quanto a ave.

As voltas em sua pintura dá o tom de movimento só deixando de fora a cabeça da ave, onde impera sua perspicácia e inteligência, longe do turbilhão.

Direto do Brasil.
Abraço

A.Tapadinhas disse...

Udi: Vou arranjar a música para poder dançar com o belo poema de Ary Barroso mas... preciso de um par!
- A menina dança?

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Pena: Cada vez mais se vão perdendo valores, tais como a palavra dada ou o cumprimento das promessas...

Esperemos que seja uma moda passageira... como a chuva que está caindo no momento que estou a escrever estas palavras...

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Anne: Não pode falhar!

A vontade consegue fazer milagres...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Renata: Temos de saber encarar com desportivismo as nossas derrotas e os pequenos problemas...

Abraço.
António

Ava disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ava disse...

António,bom dia aqui!
Além mar, Boa tarde...rs

Voltando, relendo e revendo...
Matando as saudades...
As vezes me sinto muito estranha com esse mundo virtual...
Coisa que não dá para explicar aqui..
Talvez uma sensação de vazio, digamos que além do normal...
Tem dias que ficamos assim; eu pelo menos fico...

Dada a filosofar sobre coisa alguma, que não faz sentido nenhum...rs

Bom restinhos de domingo!

Beijos avassaladores!

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

As cores são impressionante,Uma verdadeira e livre arte.
Uma boa semana para você.

CHRISTINA MONTENEGRO disse...

Como cantava Arnaldo Dias Baptista (dos Mutantes) ..."Quero decolar toda manhã!"...
Se um dia eu conseguir decolar, espero seguir acompanhada pelas suas cores; vou me lembrar delas, garanto!
Bjs!

Tânia Magalhães disse...

Parabéns pelo blog! Encontrei-o ao pesquisar sobre Klint!
Já agora aproveito a oportunidade e pergunto-lhe (e a quem por aqui passa também) onde posso encontrar a interpretação do quadro "Pintura" de Miró.
Obrigada e passem pela Brecha e Nutrição em Prática.

A.Tapadinhas disse...

Ava: Com o passar do tempo, começamos a conhecer os amigos que nos visitam com mais frequência...

...Mas há um dia em que damos por nós a pensar, que não conhecemos a textura da sua pele, o seu cheiro, o tom da sua voz...

...E é nessa altura que sentimos que falta qualquer coisa para nos conhecermos melhor...

Ava acordou hoje a pensar assim...

Eu, com a pressão da exposição, nem tenho tempo para pensar noutras coisas...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

MARTHA: Obrigado pelas palavras e os desejos de uma boa semana...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

CHRISTINA MONTENEGRO: Palavras bonitas e coloridas para dizer a um pintor!

Que a lembrança destas cores se mantenham e afastem todas as sombras...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Tânia Magalhães: Lamento não poder ser-lhe útil no seu pedido. Se alguém souber a solução, pode dirigir-se directamente à Tânia, ou deixar aqui a sua dica, que eu prometo fazê-la chegar à nossa amiga.

Abraço.
António

Tânia Magalhães disse...

Obrigada pelo comentário e correcção!

Quanto ao voar, vejo uma arco-íris e para mim isso é divino!

OUTONO disse...

Duplo abraço de parabéns...pelo quadro...pelo humor.

Obrigado....estava necessitado de um sorriso!

A.Tapadinhas disse...

Tânia: Não tem que agradecer! Para ser franco, tive sérias dúvidas, se devia ou não chamar-lhe a atenção para o assunto...

Resolvi arriscar e acertei!

Que tenha sempre arco-íris só para si!

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

OUTONO: É bom sorrir! Temos sempre necessidade de um bom sorriso...

embora às vezes não o saibamos...

Abraço.
António

Célia Nazarko disse...

LINDO DEMAIS!!! aMEI...parabéns

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,