sexta-feira, 19 de junho de 2009

ENTARDECER NOS MOINHOS II


Pôr-do-Sol em Alburrica Acrílico sobre Tela 30x40cm

A luz do sol não varia com a hora dos nossos dias. A nossa atmosfera serve de filtro a essa luz que nós vemos que, por uma questão de comodidade, se costuma dividir em seis cores, por ordem de frequência crescente: vermelho, laranja, amarelo, verde, azul e violeta.
Neste quadro, foram estas três primeiras cores que privilegiei, tornando coerente a sua luz/cor visível. Não utilizei o processo científico que estimula a conversão de energia numa porção de luz, como se diz em inglês “light amplification by stimulated emission of radiation” ou, para simplificar, fazendo o acrónimo com as iniciais destas palavras – laser…
Utilizei “apenas” a visão dos humanos: A nossa capacidade de distinguir cores e tons não tem limites definidos…


...E a nossa capacidade de amar também não: ontem passei o dia com o meu neto, Rafael, que completou o seu primeiro ano de vida…

41 comentários:

Avassaladora disse...

Bem António, agora estamos diante de dus obras!

Uma obra do homem, onde a beleza extrava em forma de cores. ofuscando os olhos...

Uma obra de Deus, onde a beleza esfuziante e a graça de um sorriso invade a alma e o coração de ternura!

Sinto muito, mas o Rafael ofuscou sua pintura...rs

Para o Vovô coruja, e com tada razaõ e direito...rs


Olha-me rindo uma criança
de Fernando Pessoa

Olha-me rindo uma criança
E na minha alma madruga.
Tenho razão, tenho esperança
Tenho o que nunca me basta.

Bem sei. Tudo isto é um sorriso
Que é nem sequer sorriso meu.
Mas para meu não o preciso
Basta ser de quem mo deu.

Breve momento em que um olhar
Sorriu ao certo para mim…
És a memória de um lugar,
Onde já fui feliz assim.



Parabéns para o Rafael e parabéns pora esse avô que tudo merece...


Beijos e carinhos!

elsa disse...

Palavras para quê...
Já era uma data tão especial para mim, e com a vossa vinda cá, mais especial a tornaram...
Como é bom ter um pai e uma mãe como eu tenho... Só espero que o Rafael um dia sinta aquilo que eu sinto em relação a voçês os dois...
Obrigado por tudo, Pai e Mãe! :)
Beijinhos... muitos beijinhos...

Pena disse...

Oh, Fabuloso Amigo "Gigante" António:
Que "...Pôr-do-Sol em Alburrica Acrílico sobre Tela 30x40cm..." deslumbrante, decorado com aquilo que na gíria das cores se apelidam de cores primárias e cores secundárias.
Hoje, não vou comentar o que decorou fantasticamente...
Antes, olho ao lado e vejo que "vestiu" os seus sentimentos que já visualizava em si, há muito...
Olhe, queria-lhe dizer uma coisa: Sou homem, muito homem, mas a imagem é tão doce e encantadora (Desculpe, os termos, não consigo desapegar-me deles...) que permita-me não comento mais...
Imagine o que lhe diria, está bem...?
Que "coisa" linda...

Abraço forte de uma estima e um respeito incalculáveis...
Sempre a admirá-lo...

Fiz um triste "espectáculo" lá no meu blog, quando aquele anónimo surgiu, mas tudo passa.
Só peço que não me julguem mal, mas eu tinha razão. Foi um "vulcão" existencial que se encontrava "apagado" há muito.
Um pouco envergonhado...desculpe, sim, amigo extraordinário, talentoso, "Enorme"...?
Bem-Haja!
Cordialmente...sempre que puder inclua nos seus posts a sua pureza de sentimentos. Engrandece-o, sabe?
Faz de si, aquilo que todos visualizam, idealizam, sonham...
Não esconda o seu génio, mas...faça-o...mostre que a sua masculinidade como a minha, que não prescindo, não são insensíveis
e agradam...
Maravilhado...(Desculpe...!)...

pena


Fantástico. Dos melhores que encontrei aqui.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Pois é, qual obra é a mais bela? O quadro é maravilhoso etambém é maravilhoso o jeito que você narra a gênese das suas obras, maisparticularmente desta.
Agora, o seu netinho... Eu o traria para o Brasil e cuidaria dele como se fosse meu filho. Esse tipo de "obra" supera todas que o ser humano é capaz de criar. Meus parabéns para ele e para o vovô!
Agora também vou vender meu peixe.
Meu amigo António:
Publiquei no Galeria a resenha de um filme que no Brasil tem o título de UMA JANELA PARA O AMOR e em Portugual, QUARTO COM VISTA, o que está bem mais de acordo com o oriinal (A ROOM WITH A VIEW). Você já deve tê-lo visto, pois é um filme de 1985, dirigido pelo James Ivory e baseado no livro de E.M. Foster, A ROOM WITH A VIEW.
No post, ainda damos um passeio por Veneza através de obras de pintores clássicos.
Aproveito para divulgar que tenho um Blog coletivo, 2 portuguesas e 2 brasileiras, POESIA EM LÍNGUA PORTUGUESA:
http://blogrenatapoesia.blogspot.com
e eu tenho o MÁXIMAS:
http://blogrenatamaximas.blogspot.com
Mas eu lhe peço que vá ao GALERIA, pois não se trata mais de filme de Chapeuzinho Vermelho.
Depois, se quiser, vá conhecer pelo menos o POESIA EM LÍNGUA PORTUGUESA.
Um abraço,
Renata
PS: Fico encantada sempre que venho ao seu Blog e hoje fiquei, além de encantada, comovida.

rm disse...

Bom, meu caro,
dessa feita o texto está rivalizando com a tela...

E o guri é uma simpatia!


Parabéns por ambos.

A.Tapadinhas disse...

Já sabia que a minha pintura iria ficar a perder... caso eu pensasse entrar em competição!

Fernando Pessoa tem para todos um poema!

Tenho memória de tantos lugares onde fui feliz!

Em contrapartida já comecei a esquecer os que me traziam más recordações...

... porque não quero diminuir a capacidade do meu cérebro, com factos que já não me interessam!

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Elsa: Tenho a certeza que tu vais fazer mehor!

Beijinhos.
Pai e avô coruja.

A.Tapadinhas disse...

Pena: Agradeço os comentários e as suas considerações tão elogiosas...

O outro assunto, pela veemência com que o abordou, deve tê-lo atingido profundamente... Tratando-se de alguém com a sua experiência de vida, é bastante significativo.

Longe de mim ousar dar-lhe conselhos! Não sei sequer o que se passou...

Quando comecei o meu blogue, tive muito receio que algo desagradável acontecesse... Até agora, não tenho razão para alterar os procedimentos...

O meu amigo é um dos exemplos dos valores humanos e da cortesia que devem pautar as nossas relações sociais...

Pode contar com o meu apoio incondicional!

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Renata: Eu não tenho dúvidas sobre qual é a mais valiosa!

A Renata continua imparável!

Vou seguir os seus conselhos, mas tenho de ter cuidado com as doses prescritas...

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

rm: A inspiração, como o meu amigo muito bem sabe, não existe em doses certas, como naquelas máquinas em que se mete a moeda e sai do outro lado a Coca-Cola...

...E mesmo essas precisam de ser reabastecidas...

Abraço.
António

Anne M. Moor disse...

As cores quentes do teu por do sol me enche de aconchego!! Lindo ficou!

Já um ano! Como passa ligeiro o tempo!! Me lembro qdo ele nasceu... E com certeza enchem teu coração de amor por essa 'coisinha' fofinha do teu neto. Criança linda!!! Parabéns pelo um aninho do Rafael. Um beijo nele e nos pais.

Beijo especial pro vovô :-)

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Bom dia, amigo António:
Obrigada por comentar na minha Galeria.
Venho dizer-lhe que postei uma obra de Turner sobre Veneza. Eu já a copiara, mais me esqueci de pô-la no post.
Ainda bem que vc me lembrou.
Bom fim de semana!
Um abraço,
Renata

mundo azul disse...

__________________________________

Sua tela é linda, mas, hoje o Rafael "roubou" a festa!

Parabéns pelo lindo neto!


Beijos de luz e o meu carinho...


_________________________________

Meg disse...

Passei por aqui!
A palavra pintada deu cor ao desenho colorido.
Quanto ao real, esse é a pintura perfeita, incorporada no sorriso de uma criança...
Abraço
meg

Princesa disse...

“Eu não desisto assim tão fácil meu amor,
das coisas que eu quero fazer e ainda não fiz.
Na vida tudo tem seu preço, seu valor,
e eu só quero dessa vida é ser feliz”.

um beijo e um bom domingo

Léo disse...

Parece que o céu está em chamas.

Direto do Brasil.
Abraço.

Avassaladora disse...

António, boa noite!

Amigo querido, sua frase é de calar funfo, na alma!

"... porque não quero diminuir a capacidade do meu cérebro, com factos que já não me interessam!"

A vida é o amanhã... Não vivemos para ontem...

Vc não precisa preocupar, sua inspiração jorra aos borbotões, não vai falhar...!

E se por acaso falhar, com o sorriso do Rafael, vc se sentirá inspirado rapidinho...rs

Obrigada, vc me faz muito feliz com seu carinho...


Beijos avassaladores!

Avassaladora disse...

António, boa noite!

Amigo querido, sua frase é de calar fundo, na alma!

"... porque não quero diminuir a capacidade do meu cérebro, com factos que já não me interessam!"

A vida é o amanhã... Não vivemos para o ontem...

Vc não precisa preocupar, sua inspiração jorra aos borbotões, não vai falhar...!

E se por acaso falhar, com o sorriso do Rafael, vc se sentirá inspirado rapidinho...rs

Obrigada, vc me faz muito feliz com seu carinho...


Beijos avassaladores!

CHRISTINA MONTENEGRO disse...

Vir aqui faz bem...
Parabéns pelo trabalho, obrigada por compartilhá-lo dessa maneira tão peculiar.
E que riqueza o Rafael!!!...
Belíssimo, em belíssima foto!
Abração!

o que me vier à real gana disse...

Olá, boa noite!

Bom aqui. Parabéns!

Flavio Ferrari disse...

Tapadinhas, teus quadros são sempre lindos, mas o neto ganha ...

A.Tapadinhas disse...

Anne: Temos um pôr-do-sos todos os dias! É um milagre que se repete para colorirmos de alegria a nossa alma...

O outro milagre vai repetir-se todos os anos! Saúde para o gozar no entretanto, junto da família e amigos!

Os teus beijos são sempre especiais.

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Renata: Irei ver a obra de Turner que seleccionou. Deve ficar óptima na sua Galeria...

Tenha uma semana muito feliz!

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

mundo azul: O Rafael faz parte da festa, aliás, ele é a Festa!

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Meg: Ainda bem que passou!

Deixou pensamentos tão expressivos!

Espero nova visita!

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Princesa: Obrigado pelo poema.

Sinto-me um rei.

Boa semana!

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Léo: São chamas que "só" nos aquecem a alma!

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Avassaladora: O nosso cérebro, também envelhece como nós, mas como só utilizamos uma pequena parte da sua capacidade, que a utilizemos o melhor possível...

Bom, se eu não ficar inspirado com aquele sorriso...

é melhor arrumar os pincéis e deitar as tintas para o lixo!

Tenha uma semana avassaladora... de coisas boas ... e inesperadas...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

CHRISTINA MONTENEGRO: Gosto que as minhas visitas se sintam confortáveis.

Por isso, procuro dar o melhor de mim em cada momento.

Palavras como as suas, dão-me força para prosseguir e são a única recompensa que pretendo!

Abraço com carinho.

António

A.Tapadinhas disse...

o que me vier à real gana:

Obrigado pela visita.

Boa semana!

António

A.Tapadinhas disse...

Flavio: Há derrotas que têm o sabor da vitória...

Abraço.
António

jorge disse...

Esta vez no me importa demasiado el paisaje...

...he quedado prendido del colorido.

Que me trasmite calor, luz.

Me creo el cielo y me creo el mar, seguro que son de ese color.

La capacidad de amar se ve constreñida por la poca capacidad para mostrarnos.

Pero con la edad se alcanza la maxima expresion. No hay miedo de mostrarse vulnerable ante un nieto.

Fatima disse...

Lindo seu blog!
Gostei muito e seu netinho? Que coisinha mais fofinha meu Deus!
Abrs e boa semana.

Princesa disse...

Olá amigo
obrigado pela visita
e sonhos de liberdade ummmmmm é isso mesmo

A vida se torna uma festa quando sabemos desfrutar das coisas normais do dia-a-dia.
boa semana
um beijo

Ernesto Dias Jr. disse...

Tá bom. Tá bom.
Opus Interim então.
(Belo neto, rapaz. Aliás, o Walmir também está comemorando mais um. Ou uma. Alice.)

A.Tapadinhas disse...

Jorge: Tens razão: neste quadro a cor domina toda a paisagem!

...E o meu neto coloca tudo em segundo plano...

As mais seguras provas de amor e confiança, prestam-se com coisas simples, em que nos mostramos aos outros sem qualquer reserva...

As crianças são um bom exemplo...

Abraço.
António

A.Tapadinhas disse...

Princesa: O segredo da felicidade reside na nossa capacidade de a encontrarmos nas coisas mais simples...

Beijo.
António

A.Tapadinhas disse...

Fatima: Fico muito orgulhoso com as suas palavras.

Boa semana!

António

A.Tapadinhas disse...

Ernesto: "Opus Interim". Na mouche!

Passei no blogue do Walmir e já lhe dei os parabéns! Ele já é repetente!

Obrigado!

Abraço.
António

Cadinho RoCo disse...

Bela pintura e parabéns pelo primeiro aniversário do neto.
Cadinho RoCo

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,