terça-feira, 5 de janeiro de 2010

AS CIDADES DAS EMOÇÕES


Ribeira - Porto Óleo sobre Tela 90x100cm

Quando mostrei a série de obras que executei depois da minha visita à cidade do Porto, deixei esta por ser bastante diferente das então apresentadas. As diferenças principais baseiam-se na maior suavidade e o quase monocromatismo da interpretação em tons pastel, pontuados pelas cores mais vibrantes dos telhados, em oposição aos contrastes violentos e às texturas das outras obras.
Algo semelhante se passou com a série de trabalhos sobre Lisboa, como por exemplo na entrada de 30 de Outubro, com a obra “Chegada a Lisboa”, que mostra a cidade numa perspectiva tirada de um barco, com as cores rosadas características da Capital.
Pareceu-me uma obra tranquila e poética, inspiradora para o começo do Novo Ano…

50 comentários:

Anne M. Moor disse...

Ai António

Esta é uma cidade que ainda quero conhecer... Esta tua tela, como bem sabes me encanta pelas casas, janelas e telhados... Pelo conjunto que dá paz sim! Lindo!

Beijos de paz
Anne

jorge disse...

Este cuadro me encanta.

Y si, me habia fijado en el efecto cromatico antes de leer el texto.

Solo estuve una vez (hace mucho) en Oporto y casi estoy seguro que fue en ese espacio que has pintado.

A.Tapadinhas disse...

Claro que vais adorar esta cidade: não faltam janelas, telhados e...

...mais do que tudo isso, pessoas interessantes...

...e, ainda, boa comida!

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Gosto de ler os teus comentários sobre os meus quadros...

...e eu também estou seguro que estiveste naquele local: é imperdível para quem visita pela primeira vez o Porto.

Abraço,
António

€_r_i_K disse...

Feliz Año Antonio, un placer pasar a recrear la vista con tus creaciones...


Abrazos.....

A.Tapadinhas disse...

€riK: Para mim um prazer redobrado poder retribuir os teus votos.

Aproveito para te perguntar se é defeito meu, ou do computador, mas eu não consigo fazer comentários no teu Viento Mistral...

Grande abraço,
António

linda lourenco disse...

Olá António,Esta Cidade é linda.
O norte tive oportunidade de ir lá e gostei imenso.
Achei lindo igualmente na época da são João.

A sua obra é encantadora,e sim cheia de emoções.
Agradeço a sua visita e lhe desejo um
2010 com muito Saúde e desejos realizados,para si,os seus mais queridos e para os seus amigos na vida e Amigos aqui no seu blog.

Beijinhos:)
Linda.

Nilredloh disse...

Este quadro é um íman! Neste momento a primeira coisa neste blog onde imediatamente se despenha o nosso olhar.
Um abraço com toda a amizade,
Jorge

Confesso disse...

Uma bela pintura, os detalhes me encantam, imaginei-me bem alí... Consegue ver-me em uma das janelas??

O dia inesquecível é uma outra história... rs

Beijos confessos...

OUTONO disse...

Sem sombra de dúvidas...

Compreendo hoje...um pouco melhor a definição que fizeste do teu Blog.

Parabéns.

Um abraço.

A.Tapadinhas disse...

Linda Lourenço: São João é para o Porto, o mesmo que Santo António é para Lisboa...

O Tejo e Lisboa são maravilha, mas a foz do Douro e a Ribeira do Porto, não lhe ficam a dever nada em termos de beleza natural ou com intervenção humana...

É sempre um prazer visitá-la...

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Nilredloh: Por isso, é aconselhável o uso de
pára-quedas...
rsrsrs

Agora a sério: Agradeço a visita e as palavras amáveis, sobre o trabalho.

Um abraço,
António

A.Tapadinhas disse...

Confesso: Não quero perder pitada: Vou já buscar os binóculos...
rsrsrs

Fico à espera para saber o que se passou nesse dia inesquecível...

Até lá, um beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

OUTONO: Com a tua sensibilidade já sabias há muito tempo...

Gostei muito de te ver no meu Sem Margens...

Abraço,
António

São disse...

Então, que o novo ano seja assim suave e colorido!
Boa semana.

Vicktor disse...

Amigo Tapadinhas

Muito grato pela visita que me fizeste à Oficina, especialmente por permitir visitar-te e deliciar-me com excelentes pinturas que por aqui partilhas.

Saí daqui muito mais enriquecido e ficou uma porta aberta para visitar frequentemente esta verdadeira galeria de arte.

Um Novo Ano cheio de venturas. Um abraço.

A.Tapadinhas disse...

São: As visitas simpáticas, como a sua, contribuem para dar cor à minha vida...

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Vicktor: Ainda bem que gostaste!

Na minha leitura dos teus blogues preferidos, descobri que estava ...Veiga Beirão. Andei lá um ano, antes de passar para Económicas...

Volta sempre!

Abraço,
António

Léo Metallica disse...

Eu adoro a sua arte cara. Dentre o emaranhado de casas rústicas próximo ao mar, vemos a contemporaneidade de um barco, uma igreja de frente, uma quitandinha com sua lona azul no pé do desenho a direita e há pessoas. Há pessoas dando um realísmo ao desenho.

Hoje aqui eu ressalto não as cores como de costume em sua obra, mais o POPULAR que deste a pintura. Tá bem humana, cheio de vida.

Direto do Rio.
Abraço.

luis santos disse...

...E eu que estava quase morto no deserto e o Porto aqui tão perto. Já encomendei o cafezinho, mas não é que tarda a chegar.

Abraço Grande.

A.Tapadinhas disse...

Léo Metallica: Os teus argutos comentários, deixam-me sempre encantado.

Não é muito frequente colocar pessoas nas paisagens urbanas...

Só o faço, quando acho necessário para a compreensão da história que quero contar...

Os teus comentários são directos ao coração. Obrigado!

Abraço,
António

A.Tapadinhas disse...

Luis: Ontem vi um filme, que remete imediatamente para a tua presença no Sem Margens.

O título é, K-PAX - Um homem do Outro Mundo, ou, no Brasil (gosto mais desse título)K-PAX - O CAMINHO DA LUZ. O actor principal é, Kevin Spacey, na pele de Prot, um homem inofensivo, que diz vir de um planeta duma constelação longínqua, e que foi detido na Grand Central Station, em Nova York, por causa de um roubo. Jeff Bridges é o Dr. Mark Powell, experiente psiquiatra do Júlio de Matos da cidade, que vai tentar conseguir descobrir qual o verdadeiro motivo da alucinação.

O meu verdadeiro motivo por te estar a falar deste filme é que Prot, para curar um dos seus companheiros de manicómio, dá-lhe uma missão, com três etapas: a 1.ª Adivinha??????????
????????????
Não!? Então eu digo: Ver a chegada
de um pássaro azul!

E, como é costume, o pássaro azul apareceu, para espanto de todos, incluindo o Doutor e restante pessoal do manicómio!

O "Pássaro Azul" também não nos tem falhado, a nós, que estamos fora do manicómio, ou, quem sabe, num maior: a Terra. Que o teu pássaro azul continue a visitar-te...

Abração,
António

Pena disse...

Admirável Amigo António:
Esta Obra extraordinária Ribeira - Porto Óleo sobre Tela 90x100cm, transmite serenidade, pacatez e sossego emocionais.
Beleza e harmonia.
A genialidade é óbvia.
É uma pessoa ENORME em que a sua genialidade não fica só nas telas, mas nos comentários sensatos e sóbrios com que contempla as pessoas.
MUITO OBRIGADO pelo seu comentário.
É precioso. Do mais sensato que pode um comentário ser.
Adorei.
Abraço de imenso respeito amigo.
Agradecido...

pena

Bem-Haja, amigo António.
Um Ser Humano precioso, sem dúvidas!

carlota. disse...

Hola Antonio , gracias por tú visita .
He estado disfrutando de tus pinturas ,Bellas y peligrosas , me encanta , La Mano de Dios , me encaaaanta .

Un abrazo afectuoso :))

Meus Reflexos Contos e Afins disse...

Nesse momento dificil pra quem sente...
vir aqui é um refrigério
pra minha alma dolorida.
Não conseguindo escrever
me entrego
ao absorver...
Bjins

Reflexo d Alma disse...

Vim respirar ar puro
vendo e lendo teu
blog...
Saudades de ti
la no meu...
Bjins entre sonhos e delírios

A.Tapadinhas disse...

Pena: Depois de agradecer e, deixando de lado o reconhecimento pelas palavras que me dedica, sobram os elogios para a obra que os motivou. Neste caso, modéstia à parte, partilho consigo os sentimentos que ela desperta...

Abraço,
António

A.Tapadinhas disse...

Carlota: Posso sugerir uma coisa?

Fazer uma viagem ao Algarve e conhecer os locais: juro-te que são belos...

...Nós é que os fazemos perigosos...

Un abrazo cariñoso,
António

A.Tapadinhas disse...

Meus reflexos contos e afins: É bom quando alguém nos diz que a nossa obra é apreciada...

Volta sempre!

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Reflexo d´Alma: Agradeço as tuas palavras...

...e, já de seguida, vou apagar esse reflexo...

Beijo,
António

Dulce disse...

Antonio
Vim agradecer sua visita e encanto-me com a Ribeira lindamente pintada por você. Por ai passei faz já alguns anos, mas a sensação de estar em casa que me surpreendeu naquela visita fica renovada na sua tela, sem que eu mesma saiba porque.
beijos

CHRISTINA MONTENEGRO disse...

Um casal amigo nosso fez recentemente uma viagem fabulosa por Portugal, e ver as fotos deles - longe de ter sido tedioso (como frequentemente é) - foi quase como viajar também, naquela realidade.
Um dia vou.
Ver seus quadros é ouuuuuuutro tipo de viagem; é Portugal-com-poesia; um presentão que dá ainda maior entusiasmo para tocar esse dourado novo ano. BJS!

direitinho disse...

Agradeço a tua visita. Parece que as visitas e as palavras animam o que vamos construindo com as nossas mãos e com um coração grande.
Agradeço ainda por me dares esta possibilidade de poder seguir as tuas pinturas.
Obrigado amigo

A.Tapadinhas disse...

Dulce: A Ribeira é realmente um encanto, e quem passeia por lá, sente o seu cheiro e o impacto das pessoas e das cores, nunca mais a esquece...

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

CHRISTINA MONTENEGRO: As fotografias são boas para quem conhece os locais... São uma maneira de os recordar...

Para quem os não visitou, a imaginação do pintor, mais do que a frieza da máquina, será um apelo para os conhecer, cheirar, saborear...

...só assim será um Porto Sentido!

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Direitinho: No meu caso, quero que as palavras sejam um complemento, a sobremesa, para o prato principal: as pinturas.

Agradeço as palavras e...

...volta sempre!

Abraço,
António

Flavio Ferrari disse...

Sem dúvida, tranquila, poética e inspiradora ... adora Lisboa e seus pintores (ou pelo menos um deles). Feliz Ano Novo.

Sylvio de Alencar. disse...

Um certo caminho percorri para aqui estar com você.
Li em um conto que (entre outras coisas como "cortar caminhos'), não devemos nos meter em coisas que não nos dizem a respeito, não devemos 'abrir portas para espiar', ao ouvirmos barulhos estranhos.
Bem, aqui cheguei. Estou deveras contente por ver seu trabalho, e me animo a escrever pois você responde a todos com muita gentileza.
Parabéns, voce é um artista!
Um amigo que morou no (em?) Porto (Cesar Roberto Elias), diria o msmo!
Abarços, e felicidades!
Seguir-te-ei.

A.Tapadinhas disse...

Flavio Ferrari: Tudo o que é belo é fácil de amar...

...Ser correspondido é que se pode tornar mais complicado!

Abraço,
António

A.Tapadinhas disse...

Sylvio de Alencar: Misteriosos são os desígnios do destino... Às vezes, só mais tarde é que compreendemos a razão pela qual certas coisas acontecem!

Tenho sempre espaço no meu coração para mais um amigo...

Tenho feito feiras de Arte e Artesanato, nunca no (!) Porto, mas o nome de Cesar Roberto Elias, não me é desconhecido...

Volta sempre!

Abraço,
António

Graça Pereira disse...

O Porto ( a meu ver) é um das cidades que se presta a ser pintada, tanto em óleo como em aguarela. Não é uma cidade cinzenta como muitas vezes dizem... tem é uma côr muito própria, com personalidade e vida.
Tenho várias aguarelas cá por casa do Porto, qual delas a mais bonita e em todas, nota-se uma alma diferente...Como na tua tela, apreendi nela um outro olhar, mais brilhante e cheio de côr e...gostei!!
Um beijo
Graça

A.Tapadinhas disse...

Graça Pereira: É verdade o que dizes sobre o Porto: temos a ideia que é uma cidade triste e escura...

Também tenho uma tela do Porto na entrada da minha casa: nunca a vendi por ser uma das obras que mais gosto... para além de ser uma experiência bem sucedida com os materiais que misturei na tinta de óleo...

Beijo,
António

betina moraes disse...

antônio,

estou simplesmente encantada com suas cores e temas,

virei muitas vezes ler seus poemas visuais,


são belíssimos!

um beijo.

Udi disse...

Nem tente entender as razões desta crazy cabecinha mas ocorreu-me (além do deleite pela beleza da tela) Djanira... você conhece?

...e o fundo musical poderia ser de Dorival Caymmi (também me remete a Salvador).

beijo

Se7e/5 disse...

Como bem se sabe, muito do que parece não é, não é verdade?

Pois é, por isso e seguindo os temas delicados que a situação exige, o se7e/5 pretende abordar o problema da maneira mais séria possível. Sei que não é fácil e, para dizer a verdade, reconheço que é uma tarefa fodida e até muito perigosa mas, como dizia o "outro", alguém tem de a fazer. Não pense caro/a amigo que aqui o se7e/5 não ponderou , apenas, num assomo de desejo, partiu para a conquista e só porque a menina blogosfera estava com as perninhas bem escancaradas resolveu F..-la. Não, apenas enfrentar a "coisa" de frente sem medo do bicho nem da bicha ou bichona. Os temas devem ser tratados de maneira séria e responsável e não podemos (conto com vocês) deixar que a loucura invada as mentes mais desprevenidas. Nossos amigos e, principalmente as amigas, essas boazonas,devem ser protegidas do bicho papão, esse cabeção que tenta por todos os meios enfiar-se em tudo que lhe cheira a buraquinho acidoso. Tal como o nosso querido amigo e muito estimado J.W.Bush muito bam disse, "quem não está por nós, está contra nós". Aqui o se7e/5 diz que a esse W só lhe faltava o C, e deviam era empacotá-lo por trás e a seco, mas como isso não vem a propósito, e para finalisar que se faz tarde, quero deixar bem claro que não estou com ninguém e eu próprio estou contra mim e só por isso concordo comigo e tudo farei para que vocês, meus prezados amigos leitores, assumam a mesma atitude e vice-versa.

A.Tapadinhas disse...

Udi: Sou analfabeto no que respeita a pintura brasileira. Conhecia Portinari e Di Cavalcanti. Com as referências, que os meus amigos foram fazendo, estou a conhecer outros.

A partir deste momento, também vou ficar a conhecer, Djanira, e a sua obra: o Google é mágico...

Dorival Caymmi é sempre um bom fundo musical...

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Betina Moraes: Sinto-me muito feliz por gostar dos meus trabalhos, tal como eu gosto das suas visitas...

Será sempre bem-vinda.

Beijo,
António

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,

Fernanda disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fernanda disse...

Querido amigo!

Vim visitá-lo, sempre retribuo... amor com amor!

Li o seu perfil e vim por aí abaixo encantada, fascinada, boquiaberta, extasiada... encontrei o meu Porto mais belo do que nunca.
Nasci no Porto, vivi em Gaia e trabalhei 14 anos na Porto Ferreira, como guia.
Não resisti, vou levar já esta sua pintura para o meu Blog e se me permitir lá divulgarei todas as suas maravilhosas obras de arte.
Sou apaixonada por pintura e tenho amigos ligados à arte e movidos pela mesma paixão.
Vivo há 19 anos em Vila Nova de Cerveira, Vila D'Artes.
Sou amiga dos irmãos, Titu e do Puskas... e não só.

Voltarei.
Beijinhos