segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

AS FERAS (II)



As Árvores Vermelhas Óleo sobre Tela 50x40cm

Para provar o grau de simplicidade que era um dos seus objectivos na pintura fauve, Matisse tentou convencer um amigo e companheiro de pintura, que um quadro criado por si (Cebolas cor-de-rosa, 1906), era de autoria do carteiro da vila. Ele não conseguiu convencer o amigo, como talvez eu não os conseguisse convencer de que estas árvores foram pintadas pelo meu neto.
Mas podem acreditar que a tinta gasta nesta tela, usada com parcimónia, daria para fazer uma centena, tal a quantidade que usei para conseguir o relevo, a textura e a profundidade que tinha planeado.
Espero não ser traído pela qualidade da fotografia, para que possam apreciar a violência suave das cores…

31 comentários:

Graça Pereira disse...

Parece uma paisagem amazônica com as cores fortes bem tropicais...Eu gosto!
Um beijo e boa semana
Graça

linda lourenco disse...

Mais uma bela Pintura com força e relevo impressionante.
Em relação a foto está perfeita!
Sei que tirar fotos de pinturas óleos é um quebra cabeça por culpa do brilho..
Beijinho.
Linda

Rosemildo Sales Furtado disse...

Mais uma vez passando para apreciar tuas belas criações.

Abraços,

Furtado.

A.Tapadinhas disse...

Graça Pereira: Tens nos genes as cores da Natureza...

Como é possível não gostar delas?

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Linda Lourenço: É verdade! Só um especialista, consegue fazer uma fotografia, com qualidade, de um quadro.

Esta tela, para além das cores fortes, agressivas, tem muito relevo e textura - era o que pretendia...

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Rosemildo Sales Furtado: A sua presença é sempre muito apreciada...

Agradeço-a e...

volte sempre!

Abraço,
António

Pena disse...

Oh, Extraordinário Amigo António:
Realmente, é um sensível criador de Arte, uma Arte fabulosa que fica para a história de gerações atrás de gerações. Filhos, netos e bisnetos e os que se lhes seguirão.
Mostrá-la-ão com um orgulho imenso.
Um Bem-Haja, amigo pelo seu admirável bom gosto. Chamar-lhe-ia REQUINTE Pictórico!
A sua OBRA é notável. Perfeita...entende?
Abraço amigo.

pena

Ah, Feliz Natal, especialmente para si que retribuo imensamente agradecido.

Anne M. Moor disse...

És tu a mergulhar nessas águas azuis a circular???? :-)

Este teu quadro lembrou-me de uma cascata na serra perto de minha casa. Paz é a palavra que me vem a mente...

Beijos
Anne

fairi disse...

bello,bello.
este verano estuve en elMonasterio de Piedra.¡me encanto¡ es un paraje lleno de cascadas y arboles frondosos, tambien cuevas humedas¡
las cascadas son distintas entre si, y a cual mas bonita¡¡
tu cuadro me ha hecho revivir,el verano¡¡
y el juego de colores.¡magico¡ como siempre en tus pinturas...
cuidate ¡

A.Tapadinhas disse...

Pena: Obrigado por se ter juntado a nós, à sombra das árvores vermelhas que, se no Verão nos protegem do calor, nestes tempos também nos poderão abrigar do vento e da chuva...

Abraço,
António

A.Tapadinhas disse...

Anne: Como é que descobriste?
rsrsrs

Sinto-me recompensado sempre que os meus quadros fazem lembrar a alguém momentos de felicidade...

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Fairi: As recordações guardadas no nosso cérebro estão lá à espera de um pretexto para saltarem.

Para a Graça, é uma paisagem amazónica, para a Anne é um local ao pé de sua casa, para ti faz lembrar el Monasterio de Piedra...

Todas têm razão!

E eu também: a pintura deve trazer para as nossas vidas, Beleza!

Beijo,
António

Anne M. Moor disse...

Por causa da cor dos olhos rsrsrsrsr

Beijos coloridos :-)

jorge disse...

Pues el relieve lo consigues haste en fotografia.

Seguro que el agua de esa cascada envidia el color azul que le das en tu cuadro.

Son las dos cosas que me han fijado la atencion, ese color (como siempre) y la profundidad de campo.

Reflexo d Alma disse...

Delicia de postagem
pra refletir...
nessa imagem em cores e nuances...
aprendo tanto quando venho aqui.
A-mo!

Ahh sim há postagem nova la no blog.
Bjins entre sonhos e delírios

A.Tapadinhas disse...

Anne: Para a próxima vez ponho óculos escuros...

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Jorge: Como fui eu o fotógrafo, não sei se os louros irão para ele ou para o pintor...

Não vai haver problema porque, neste caso, são a mesma pessoa...

Espero que não tenham inveja, um do outro, como a água...

Abraço,
António

A.Tapadinhas disse...

Reflexo d´Alma: É muito bom amar...

...e ser amado!

A cor é a vida em todo o seu esplendor!

Beijo,
António

Ava disse...

"...A violência suave das cores..."

António, está aí a síntese de teu trabalho...

Violentamente belo!

Beijos.... Aos centos...rs

A.Tapadinhas disse...

Ava: Achei estranho um número ímpar de comentários...

...era o sinal que alguém tinha entrado em casa. Curioso, fui ver!

Era a menina do balaio de beijos, que há tanto tempo não dava notícias...

...mas foram boas, e muitas: aos centos!

Como os meus beijos!
António

Fernanda Irene disse...

Hola, Antonio!

Me ha dado mucha alegría encontrarte de nuevo en mi blog. Como bien sabes lo dejé, pensé que indefinidamente, pero he vuelto, no sé, creo que lo echaba de menos, al blog y a todos vosotros. Veo que tú eres constante y que sigues subiendo tus bonitas pinturas a él. Ten por seguro que cada vez que entre al blog, te haré una visita, siempre es agradable para mí contemplar tus cuadros y admirar tu arte.

Un abrazo muy fuerte de reencuentro

PD. Me encanta ver tus comentarios en mi blog, no dejes de ponerlos. Gracias. Un beso

Carlos Eduardo Leal disse...

Ah, Antonio!
Mas quando é que começastes a derramar tuas árvores em lindas cores? É uma cachoeira de emoções!
Abraços amigo,
CEL

Reflexo d Alma disse...

Passando pra rever suas imagens e escrita,
pra desejar uma ótima noite e pra dizer:
Que bom esse bálsamo bendito chamado poesia.
Bjins entre sonhos e delírios

A.Tapadinhas disse...

Fernanda Irene: Tens de me desculpar, mas ainda não me habituei ao teu nome.

Quando vejo a tua fotografia, continuo a ver Fermina Daza...

Durante uma semana, estive a pensar seriamente em interromper o meu blogue... mas não tive coragem ou, para ser mais sincero, senti demasiado a falta deste convívio com os amigos. Por isso, continuei...

Claro que irei visitar-te!

Bem-vinda!

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Carlos Eduardo Leal: Cachoeira de emoções, causam-me as tuas palavras!

Agradeço do coração, caro amigo!

Abraço,
António

A.Tapadinhas disse...

Reflexo d´alma: A minha noite vai ser mais confortável com o bálsamo das suas palavras reconfortantes...

Tenha um fim-de-semana de sonho.

Beijo,
António

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Muito bonita a floresta e suas cores fortes e de traçado significativo!!

Parabéns e um Feliz Natal!

Beijo!

Sonia Regina.

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Muito bonita a floresta e suas cores fortes e de traçado significativo!!

Parabéns e um Feliz Natal!

Beijo!

Sonia Regina.

A.Tapadinhas disse...

Sonia: Toda a floresta é bonita!

Pense só na quantidade de pinheiros que tem... e se todos eles tivessem uma luzinha para cada um de nós, para toda a humanidade...

Feliz Natal!

Beijo,
António

A.Tapadinhas disse...

Sonia: Toda a floresta é bonita!

Pense só na quantidade de pinheiros que tem... e se todos eles tivessem uma luzinha para cada um de nós, para toda a humanidade...

Feliz Natal!

Beijo,
António

PS. Não quis ofender a sua irmã gémea, deixando-a sem resposta...
rsrsrs

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,